//seções//tô assobiando

Giana Viscardi: do Rio à África

Dicas da cantora incluem João Gilberto, Moacir Santos e a cabo-verdiana Mayra Andrade

texto Redação    |   fotos Cia de Foto

Giana Viscardi

Giana Viscardi, cantora e compositora, usou sua experiência com as palavras e com a música para atender ao pedido do Álbum: contar alguns de seus discos e artistas favoritos. Natural de São Paulo (SP), ela começou a estudar música aos 12 anos.

Foi na faculdade, quando cursava arquitetura, que iniciou a carreira profissional, cantando em festivais e eventos do circuito universitário. Morou quatro anos nos Estados Unidos, onde continuou os estudos em música e gravou o primeiro CD, Tinge (2002), com o produtor, arranjador e violonista austríaco Michi Ruzitschka. As dicas de Giana, que vão do Rio de Janeiro a Cabo Verde, você confere abaixo:

[ DISCO ] Álbum Branco - João Gilberto
“João Gilberto e o percussionista Sonny Carr constroem, de maneira minimalista, uma atmosfera hipnótica em que se tem contato com a grandiosidade do espaço gerado pela sutileza. Na esfera do ‘menos é mais’, o ritmo é o rei e João Gilberto é uma escola de samba inteira ou uma orquestra silenciosa.”

[ DISCO ] Ouro Negro - Moacir Santos
“Esse disco duplo do maestro Moacir Santos é delicioso de se ouvir logo pela manhã, porque ele eleva a qualidade da energia ao seu redor. A herança negra dos seus ritmos e melodias é derramada de um cântaro de barro que cessa a sede da alma. Música instrumental e canções orquestradas nos embalam a ponto de fazer dançar, transcender e alcançar a nossa origem.”

[ DISCO ] Storia, StoriaMayra Andrade 
“A jovem e bela cantora e compositora cabo-verdiana tem um timbre de voz altamente desejável: rouco-aveludado. Num mundo em que todos querem soar feito novidade, ela emana uma maturidade de uma velha cabocla. Seu segundo disco é também bastante solar e combina melodias singelas com arranjos jazzísticos. Sons que brotam da terra e contam histórias.”

[ DISCO ] Letieres Leite & Orkestra Rumpilezz
“Conduzida pelo maestro Letieres Leite, a premiada orquestra de Salvador junta cinco percussionistas e 15 músicos de sopro. As composições são altamente imagéticas e nos transportam para cenários de grandeza épica. A sonoridade moderna dos arranjos faz contraponto para um som que nos conduz ao encontro de nossa ancestralidade.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Enviar comentário
  1. Giana Viscardi lança terceiro álbum

    Orum, novo álbum da cantora, tem arranjos de Letieres Leite e abre espaço à tradição baiana

  2. A geografia de Pedro Osmar

    Um abraço na Índia, um concerto em Bangladesh e canções para um amor em SP

  3. Marcia Castro regrava Novos Baianos

    Sucessor de Pecadinho (2007), novo CD da cantora ainda traz músicas de Gil e Tom Zé

  4. O bamba de Sampa

    'O samba já era. Era assim que Eric pensava... Mas havia mudado de ideia. Por causa de uma moça.'

  5. “Jamais reneguei minhas raízes, eu as universalizei!”

    Ithamara Koorax fala como o sucesso no exterior prejudicou seu reconhecimento no Brasil

  6. Bossa nova no Carnegie Hall

    Em novo livro, Roberto Menescal revela bastidores da 1ª apresentação dos bossa-novistas nos EUA

  7. O homem que de(cifrou) a MPB

    Especial investiga vida e obra de Almir Chediak, o criador dos songbooks

  8. O sotaque americano da bossa nova

    Em novo álbum, Stacey Kent apresenta novas composições em meio a clássicos bossa-novistas

  9. “Somos caçadores de sonhos perdidos”

    Zero Freitas conta histórias de sua coleção de 5 milhões de discos

  10. Bahia em disco e fotos

    Cantor e compositor Péri fala como descobriu o fotógrafo Marcel Gautherot

    1. “A música fala como devemos nos manter no meio ambiente”

      Compositor Lilissakar fala da cultura da tribo fulniô e da relação com a natureza

      1. Walter Garcia: “A interpretação do João é melancólica”

        Jornalista analisa a canção na música popular brasileira e destaca o papel de João Gilberto

      2. De Caetano a Elomar

        Terceira edição do programa de Zuza tem jazz, choro e samba com muito bom humor

      3. Mutantes, Adoniran, Djavan e Rosa Passos

        Quarto Mergulho no Escuro tem samba, soul, balanço e bossa nova