//seções//tô assobiando

Barulhinhos insuportáveis

Cérebro do grupo Satanique Samba Trio, Munha elege Adonias Filho e Pat Metheny

texto Redação    |   fotos Cia de Foto

Munha, experimentador e provocador

À frente do grupo de MPB instrumental Satanique Samba Trio, o músico e compositor brasiliense Munha cita, entre suas influências, Gustav Mahler e Karlheinz Stockhausen. Polêmico, afirma que seus feitos artísticos “são irrelevantes diante da missão que o definiu como um orgulhoso candango-modelo: ajudar a construir o Distrito Federal do Século XXI”.

Veja as dicas que ele enviou para a seção Tô Assobiando:

[ LIVRO ] Os Filhos de Lázaro - Adonias Filho
“Muitos tomam este romance de 1952 como a pedra fundamental no processo de revisão formal que norteou a produção da terceira fase do movimento Modernista. Outros apenas o acham pessimista pra caramba. Estou em algum lugar entre os dois grupos.”

[ DISCO ] Song X – Ornette Coleman e Pat Metheny 
Eu poderia dizer que este disco tem participações dos célebres Jack DeJohnette e Charlie Haden ou que é citado como influência de nove em cada dez grandes nomes do jazz de vanguarda, mas prefiro lançar um desafio: duvido que você passe da segunda música.”

[ BLOG ] Peter Culshaw
“Para a rapeize que está com o inglês em dia, eu recomendo o blog do jornalista e pesquisador gringo Peter Culshaw sobre música de vanguarda e barulhinhos insuportáveis.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Enviar comentário
  1. “Foi assim que conheci Carmen Miranda e Cartola”

    Coleção de LPs foi fundamental para a cantora Izabel Padovani

  2. O ofício do verso em Roraima

    Eliakin Rufino, compositor e poeta, não se separa de Maiakóvski, Octavio Paz e Amazônia

  3. “Jacob do Bandolim tinha a cara do Luperce Miranda”

    Prova está no LP Choro no Céu, indicação de Alessandro Penezzi

    1. Pata de Elefante

      Trio de rock instrumental acredita que conceito está acima do virtuosismo

    2. Os Cabinha

      Guitarra não tem cordas. Bateria é de lata. E os integrantes do grupo têm entre 9 e 13 anos

    3. Pata de Elefante convida Macaco Bong

      No mesmo palco, dois trios representantes do rock instrumental dos anos 2000

    4. Los Porongas

      Rock autoral acriano em três canções: Lego de Palavras, Suspeito de Si, e Tudo ao Contrário

    5. Cátia de França

      Cantora e compositora de João Pessoa (PB) tem discos inspirados em João Cabral e Manoel de Barros

    6. Siba e Roberto Corrêa

      Com músicas do CD Violas de Bronze, show do rabequeiro e violeiro abre a edição 2007-2009 do Rumos Mapeamento

    7. Porcas Borboletas

      Banda universitária surgida em Uberlândia reverencia a música popular brasileira de laboratório, de Hermeto Pascoal a Caetano Veloso, Arrigo Barnabé e Itamar Assumpção