//seções//tô assobiando

Adélia Prado, Kléber Mendonça e as outras influências de Marina Melo

A cantora paulistana dá dicas sobre livros, discos, filmes, clipes e lugares

texto Jullyanna Salles    |   fotos Lola Ramos

Marina Melo lançou seu disco de estreia, Soft Apocalipse, em junho deste ano. Desde então, já se apresentou em diversos lugares, inclusive no Itaú Cultural, ao lado de Gabriel Serapicos, Matheus Souza e Pedro Serapicos.

Letras por vezes brandas e em outros momentos críticas são conduzidas por uma melodia influenciada por gêneros distintos, como MPB, rock e baião. A seguir, Marina fala um pouco sobre suas preferências quando o assunto vai além do universo musical.

[LIVRO] Bagagem, de Adélia Prado
“Essa poeta mineira tem o dom de me emocionar.”

[DISCO] Canto sem Pressa, de Natasha Llerena
“A cantora e compositora Natasha Llerena traz músicas que propõem reflexões profundas sobre a vida. É um disco curativo. Foi a primeira coisa que ouvi com afinco depois de terminar o meu álbum – e me apaixonei pelos arranjos e pelas letras. É bem diferente do meu trabalho em termos de instrumentação e temática, e isso também me encantou.”

[CLIPE]River”, de Ibeyi
“Ibeyi é um duo de gêmeas franco-cubanas que fizeram um dos clipes mais simples e inteligentes que já vi. Trata-se de um plano-sequência em que elas ficam boa parte do tempo submersas, só saindo da água para cantar. O clipe não tem cortes, então elas passam um longo tempo sem respirar. É impressionante.” Assista aqui.

[FILME] O Som ao Redor, de Kleber Mendonça
“É o meu filme brasileiro preferido. Aborda feridas da nossa sociedade com muita sagacidade e maestria.”

[LUGAR] Centro Cultural São Paulo, em São Paulo (SP)
“Amo esse lugar porque tenho a impressão de que todas as pessoas que estão ali estão felizes por estar ali. Os jovens dançando, os senhores jogando xadrez, o pessoal da horta comunitária, os estudiosos… Já tive muitos momentos felizes lá, como assistir a shows da Tulipa Ruiz e do Apanhador Só. No dia 1o de dezembro vou fazer um show lá e estou feliz por isso.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Enviar comentário