//seções//notas

Pop com DNA manguebeat

Vinte anos depois da estreia em disco, Nação Zumbi lança seu oitavo trabalho

texto Itamar Dantas

Nação Zumbi lança álbum homônimo depois de sete anos sem disco autoral. Foto: divulgação

O grupo Nação Zumbi chega, em 2014, ao seu oitavo título de estúdio, sem grandes cerimônias. O ano já seria icônico para a banda, cujo disco de estreia [Da Lama ao Caos, 1994] completa 20 anos sob a responsabilidade de ser o marco inicial do manguebeat e levar os nomes de Chico Science e do grupo ao patamar de figuras fundamentais na música pop brasileira.

Este novo álbum, batizado com o nome do grupo, encerra um período de sete anos sem um trabalho com músicas autorais. Não que a banda tenha se retirado da cena: esteve em turnê com o projeto Los Sebosos Postizos, no qual interpreta canções de Jorge Ben das décadas de 1960 e 1970; participou do disco que marcou o 11o aniversário do Mombojó; e em 2012 ainda lançou o registro de seu show na casa Marco Zero, Ao Vivo no Recife. Nos intervalos, foi compondo e guardando material para o lançamento do novo álbum, viabilizado por meio de edital Natura Musical.

>> OUÇA A PLAYLIST “ESPECIAL MANGUEBEAT”

Com produção de Kassin e Berna Ceppas, o álbum levou três anos de preparação. Com tempo de sobra, o grupo trabalhou com esmero. E foi incluindo elementos sonoros, samplers, batidas eletrônicas e quarteto de cordas, misturados às guitarras e aos tambores que marcam sua sonoridade. “Esse é um disco que tem mais trabalho; foi feito com muito cuidado. A gente o preencheu com texturas, barulhinhos. Não pensamos em um resultado único para o disco”, conta o baixista Alexandre Dengue.

As letras falam de amor (“Nunca Te Vi” e “Cicatriz”), lições da vida (“Cuidado”), crônica do cotidiano (“Bala Perdida”). O peso das guitarras em alto e bom tom fecha o álbum (“Pegando Fogo”). “É um trabalho que a gente está muito satisfeito; a gente não tem espelhos, o disco está diferente. E a gente fica feliz que o público esteja entendendo que essa realmente é uma proposta diferente”, defende Dengue.

Nação Zumbi, o disco, tem participação de Marisa Monte e também das vozes de Lula Lira (filha de Chico Science) e Laya Lopes, além do tecladista norte-americano Money Mark e mixagens de Mario Caldato Jr.

  1. Nação Zumbi – síntese sonora do que tem de melhor na música brasileira, companheiros e herdeiros de Chico Science – um elemento e uma força da natureza, intuitivo, mesclando sons da terra com o mundo…

    http://prosaeversosafrapolitizada.blogspot.com.br/2014/07/chico-science-usina-maracatulogica.html

    | André Miranda

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Enviar comentário
  1. Rios, pontes e redes de significados

    O mangue é o símbolo do (re)nascimento pop de Olinda e Recife

  2. Nação Zumbi lança DVD, CD e LP em março

    Projeto registra o encerramento da turnê Fome de Tudo, 4º disco de estúdio pós-Chico Science

  3. Stereotipado

    Apropriação e subversão do estereótipo pela vítima: de Gonzagão a Chico Science

  4. Afinados como as cordas da rabeca

    A trajetória e a herança de Mestre Salustiano, um dos ícones da cultura pernambucana

  5. Três notas de Lurdez da Luz

    Entre as indicações da MC paulistana está o documentário Tropicália, sobre o movimento musical do fim dos anos 1960

  6. Morre no RJ Nelson Jacobina

    O músico tinha 58 anos e estava internado desde domingo, 27, na UTI do hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, devido a um câncer

  7. Fome de geografia

    Roteirista do filme Baile Perfumado, de Lírio Ferreira, revê o cenário musical de Olinda e Recife nos anos 1980 e 1990

      1. Especial Manguebeat

        Bandas que renovaram o pop brasileiro dos anos 1990, como Mundo Livre S/A/ (f.), Mestre Ambrósio, Cascabulho, e Chico Science e Nação Zumbi